domingo, 14 de dezembro de 2008

Au Revoir - Sou mulher de mandar recado!!!

Como foi que eu disse mesmo? "Tô cagando pra tudo isso"... O poder da síntese de toda a merda da paixão que sinto.

Primeiramente, gostaria de me desculpar pelo uso do verbo "cagar". Não foi muito gentil da minha parte. Até grosseiro. Já falei por telefone, inclusive as desculpas foram devidamentes aceitas. Fico grata. Não quero que você fique com uma imagem ruim de mim. Tampouco, pretendo destruir ou desmistificar tudo que aconteceu e foi falado nesses últimos meses. Talvez o nosso amor seja um castelo de areia mesmo. Ou uma criação de duas almas especiais e carentes.

O fato é que agora os seus defeitos já se sobressaem. Não aguento o seu descaso e o personagem de coitado. Deve ser a paixão que está passando.

Sugiro que se jogue no que valha mais a pena para você, mas não tenha pena de ninguém e nem tente viver duas coisas ao mesmo tempo, porque isso ultrapassa todo significado de crueldade existente na face da terra. Dramas à parte, tenho para mim que já deixou a sua escolha clara para mim. E, em cada escolha, uma renúncia. Sinto muito!

Mesmo não conseguindo me desconectar de você, pois meus pensamentos ainda estão por aí e você ainda se faz presente em meus sonhos, fico cada dia mais abalada por não conseguir também fazer parte do seu cotidiano.

Outra coisa: te aconselho a nunca falar que vai tentar fazer algo, mesmo quando a intenção é boa, mas a tendência é não fazer. Quem não quer arriscar, não colhe as flores do prazer. Minha decisão de hoje é tentar me desvencilhar da prisão que a minha paixão por você se tornou. Em certa ocasião de despedida, você cantou essa pedra pra mim. O que eu quis dizer é que eu não preciso ser conivente com a sua relação atual e com o que está acontecendo de sobrenatural para você.

E nem cabe a mim colocar meu time em campo quando assim for conveniente. Sentimenos bons e ruins estão misturados. Tome cuidado com as palavras que diz e jamais tente prender os outros com elas. Mesmo em estado de amadurecimento, ninguém nunca está preparado para certas brincadeiras quando se tem sentimento.

Siga.

Aos poucos, vamos encontrar os caminhos e as linhas para a mais bela e pura amizade. É nessa harmonia que penso agora. Tenha uma ótima semana.

2 comentários:

Zilá Joana, a flor. disse...

Raquelzinha, gosto da tua escrita rasgada.

MANUKA disse...

NOSSA QUEL! SUAS PALAVRAS SÃO MUITO FORTES .MAIS TIPO: O QUE VC QUIZ PASSAR PARA A PESSOA HEIM??? O QUE VC NUNCA TEVE CORAGEM DE FALAR PESSOALMENTE?? SERÁ QUE FALTOU UM POUCO DE MULHER EM VC ? SERÁ QUE FALTOU COMPREENÇÃO ??? O QUE HOUVE COM VC ? NA MORAL A PALAVRA "TÔ CAGANDO " É MEIA SEM ESTILO MESMO PQ VC NÃO DEVERIA PRONUNCIAR POIS ELA FICA TÃOOO BAIXA PARA O SEU PERFIL DE JORNALISTA ! BEIJÃO DESCULPA PELO COMETÁRIO MAIS SOU REALISTA FICA COM DEUS!!!!